UM BLOG APOIADO PELO INSTITUTO FRANCISCO SÁ CARNEIRO

03
Jul 09

Ontem não se discutiu o estado da nossa nação. Ou melhor: há muito que não se discute a nação portuguesa e os problemas que realmente minam o desenvolvimento deste país. É preocupante! Nos últimos anos a discussão política em Portugal tem praticamente se resumido a uma dança de ódios pessoais, a julgamentos públicos e sumários de personalidades, a uma obsessão por assuntos giros que muito pouca importância têm para o país, como por exemplo, saber se o Magalhães é importante ou uma acção de propaganda política… no fundo, balelas que enchem a discussão parlamentar, animam a comunidade da blogosfera e alimentam as redacções dos jornais ansiosas por lançar mais uma polémica bombástica, ainda que de fundamento duvidoso.

Existe um permanente ódio no ar! O povo odeia os políticos, os políticos odeiam-se mutuamente e os partidos que odeiam uma parte significativa da sociedade assumem um protagonismo impensável na maior parte do mundo civilizado.
Mário Soares e Mota Pinto eram adversários políticos, mas não se odiavam… Podiam sentar-se à mesma mesa a discutir sem reservas o país. Hoje isso não acontece, o que é fatal para a estabilidade e progresso do país…
Continuamos a atrasar-nos. Continuam por fazer reformas responsáveis e duradouras nas áreas fundamentais de qualquer país: Justiça, Saúde, Educação…
Durão Barroso dizia que, enquanto houvesse listas de espera na Saúde, não haveria aeroporto. Eu digo que, enquanto o país continuar por fazer nas áreas essenciais, a discussão política deveria centrar-se muito mais na produção de ideias e muito menos na obsessão pelas divergências de carácter.
Infelizmente, duvido que tal venha a acontecer. Aberta a caixa de pandora, será extraordinariamente difícil voltar a fechá-la...
publicado por Francisco Proença de Carvalho às 11:02

comentário:
Sim, é verdade: o povo odeia os políticos socretinos - que, pelos vistos, V. admira e não se cansa de incensar.
A. Pinto de Sá a 3 de Julho de 2009 às 18:49

pesquisar
 
Últimos comentários
Se o balanço do trabalho do IFSC é claramente posi...
"Que o país quer genericamente mais do mesmo, é ev...
O foco neste momento são as autarquias. Penso que ...
http://osocratico.blogspot.com/2009/09/as-ultimas-...
Mais uma vez repito: o método dHhondt tem consequê...
Portugal valia o esforço de um homem de bem. Pelo ...
Esta não é a geração rasca mas diria mesmo que exi...
Confesso que estava com algum receio dos eventuais...
Concordo totalmente. Aliás, há vários dias - antes...
Excelente comentário, claro e sucinto, sobre a rea...
Twitter
subscrever feeds
Últimas ligações para este blog
Twingly Blog Search link:http://novaspoliticas.blogs.sapo.pt/ sort:published

Blog Política de Verdade

Banners

Novas Políticas

Novas Políticas