UM BLOG APOIADO PELO INSTITUTO FRANCISCO SÁ CARNEIRO

27
Ago 09

Hoje é apresentado o Programa Eleitoral do PSD. Para lá da expectativa criada, a partir de agora, um dos principais passatempos de Sócrates – dizer que o PSD não tinha propostas – tem um fim. O Programa é apresentado no tempo que a Direcção Nacional do PSD quis. Não antes, nem depois.

Os Portugueses têm um mês para avaliar as propostas sociais-democratas. Com a realidade dos factos, a verdade dos argumentos e a seriedade das ideias nas mãos, os Portugueses terão, certamente, os mecanismos necessários para poder escolher o que querem para os próximos anos: a continuação dos últimos e irreais quatro anos ou a mudança séria de um Partido que está habituado a conduzir Portugal em tempos difíceis.

Ainda não fez um mês que Sócrates apresentou o Programa do PS. Alguém ainda se lembra?

publicado por Francisco Mota Ferreira às 11:46

comentários:
Na verdade o timing de apresentação parece perfeito. E como militante do partido aguardo ansiosamente para o ler. Espero, sinceramente, que não seja irrealista e que seja exequível.
Miguel Moreira da Costa a 27 de Agosto de 2009 às 13:54

Bom, a mediocridade de um país mede-se pelas propostas políticas. E pelo seu governo, e governos...

Li hoje uma pérola - a afirmação do Deus Pinheiro, ouvi hoje uma pérola, a proposta de remuneração por objectivos para os juízes.

E pensei, a minha concepção de Direita e de Estado Democrático não tem lugar neste país.

Mas as direcções partidárias, TODAS, andam a dormir ou não estudaram política?

Uma coligação ao centro serve apenas os "tachistas". Remunerar sobre uma remuneração é reconhecer que quem está lá não faz nada. Bom, se não faz, deve ir para a rua, se ganha pouco, pode mudar de emprego, ou então moralize-se todo o mercado de trabalho...


Confesso que ser-se de direita em Portugal começa a ser uma via em extinção...
José de Noronha Brandão a 27 de Agosto de 2009 às 17:08

ECONONIA – Transparência

1 - O que acontece em Portugal é que os lugares chave não são ocupados pelas pessoas com mais qualificações mas sim por pessoas escolhidas por outros critérios não claros.Quando os lugares chave são ocupados por pessoas sem qualificações, o exemplo que passa é que não é preciso estudar para conseguir ocupar um cargo correspondente mas sim ter um conhecido que no momento certo abra o caminho.
Penso que é por este exemplo que todos os portugueses já perceberem que já não acreditam em qualificações.
É preciso voltar ao tempo do rigor, da competência, do saber, da ética e dos valores. Mas quem ocupa os lugares de poder está interessado em voltar a este tempo? O PSD tem que ser claro para os portugueses neste tema.

2 - Relembro o Presidente Obama "Those days are over"
Será que algum português consegue aceitar que num momento de crise profunda os prémios dados aos gestores de empresas públicas como a EDP, GALP de vários milhões de euros e por outro lado para os desempregados lhes seja negado o prolongamento do subsídio de desemprego.
Não podem ser sempre os mais fracos a pagar a crise.
Se o PSD quer falar verdade tem que tomar uma posição neste tema.

3 – Qualquer concurso público tem que estar num único portal na internet para que todas as propostas apresentadas pelos vários fornecedores ou candidatatos serem possíveis de ser consultadas por todos os cidadãos.
Também o relatório da escolha da proposta vencedora também deve ser possível consultar por todos os portugueses na internet. Durante a execução do serviço deve ser actualizado mensalmente o seu estado de realização operacional e financeiro e que este possa ser consultado na internet por todos os cidadãos.

É com esta política de transparência que o PSD pode voltar a conquistar a confiança dos Portugueses
Abel Mascarenhas a 29 de Agosto de 2009 às 03:11

pesquisar
 
Últimos comentários
Se o balanço do trabalho do IFSC é claramente posi...
"Que o país quer genericamente mais do mesmo, é ev...
O foco neste momento são as autarquias. Penso que ...
http://osocratico.blogspot.com/2009/09/as-ultimas-...
Mais uma vez repito: o método dHhondt tem consequê...
Portugal valia o esforço de um homem de bem. Pelo ...
Esta não é a geração rasca mas diria mesmo que exi...
Confesso que estava com algum receio dos eventuais...
Concordo totalmente. Aliás, há vários dias - antes...
Excelente comentário, claro e sucinto, sobre a rea...
Twitter
subscrever feeds
Últimas ligações para este blog
Twingly Blog Search link:http://novaspoliticas.blogs.sapo.pt/ sort:published

Blog Política de Verdade

Banners

Novas Políticas

Novas Políticas