UM BLOG APOIADO PELO INSTITUTO FRANCISCO SÁ CARNEIRO

11
Ago 09

Mas, se continuarmos a ler o texto de Sócrates, prosseguem as inverdades. O PM apresenta como vitória a redução do abandono e insucesso escolar e o desenvolvimento do ensino profissional, graças certamente às Novas Oportunidades e a estatísticas favoráveis que mostram que os alunos de hoje são tão espertos que nunca chumbam…

Diz Sócrates também que, nos últimos quatro anos, o Governo empenhou-se em “melhorar os cuidados prestados pelo Serviço Nacional de Saúde e concretizar toda uma nova geração de políticas sociais, que reduziu a pobreza e as desigualdades, aumentou o salário mínimo e reforçou em muito o apoio às famílias”. Numa altura em que milhares de famílias sentem na pele a dificuldade em chegar ao final do mês, esta convicção ficcional está muito longe da realidade do dia-a-dia….

Como não podia deixar de ser, Sócrates tornou-se fã da teoria do caos. Se não for o PS a ganhar as eleições, haverá o dilúvio. Já sabemos onde este argumento vai dar. O PS está acantonado entre uma direita moderna que tem um rumo e uma esquerda radical que lhe pode roubar a vitória na área ideológica de que o PS tanto se reclama.

E o argumento do regresso ao passado com a direita, quando Sócrates diz que “quatro anos volvidos, a direita não tem melhor para propor que as mesmas ideias e as mesmas pessoas”, seria risível se não fosse ridículo. Sócrates é, ele próprio, um produto de um passado trágico – ou o PM acha que os Portugueses já se esqueceram os seis anos de governação Guterres?. Nós também sabemos o que fizeram nos governos passados…

Muito mais haveria a dizer, principalmente no que diz respeito aos objectivos que Sócrates apresenta para a próxima legislatura. Fica a intenção num próximo post, com a certeza que, apesar de tudo, concordo, na essência, com a parte final do texto do PM: «Neste momento de crise mundial, os Portugueses precisam de um Governo competente, com um rumo claro, uma agenda conhecida e condições de coerência e estabilidade». E, digo eu, à medida que a data das eleições vai-se aproximando, os Portugueses vão ficando cada vez mais convencidos que não é com o PS que o terão.

publicado por Francisco Mota Ferreira às 13:17

pesquisar
 
Últimos comentários
Se o balanço do trabalho do IFSC é claramente posi...
"Que o país quer genericamente mais do mesmo, é ev...
O foco neste momento são as autarquias. Penso que ...
http://osocratico.blogspot.com/2009/09/as-ultimas-...
Mais uma vez repito: o método dHhondt tem consequê...
Portugal valia o esforço de um homem de bem. Pelo ...
Esta não é a geração rasca mas diria mesmo que exi...
Confesso que estava com algum receio dos eventuais...
Concordo totalmente. Aliás, há vários dias - antes...
Excelente comentário, claro e sucinto, sobre a rea...
Twitter
subscrever feeds
Últimas ligações para este blog
Twingly Blog Search link:http://novaspoliticas.blogs.sapo.pt/ sort:published

Blog Política de Verdade

Banners

Novas Políticas

Novas Políticas